Carolina Camara | Bigo Design - Estúdio de Design em Goiânia/GO

Carolina Camara

Ana Carolina Câmara é o perfeito exemplo da mulher do séc. XXI, multifacetada e antenada com tudo a sua volta. Sua marca pessoal reflete tanto da sua vida atarefada, a qual possui mutações que representam duas atividades distintas desenvolvidas por essa personagem: a arquitetura e o fashionismo.

Objetivo

Formada em Arquitetura e Urbanismo, Ana Carolina possui um senso estético notório não só quando o assunto tange a prática arquitetônica, mas também quando o tema é moda. Observando o fenômeno de comunicação que são blogs de moda, traçamos uma estratégia sob esta plataforma para falar sobre seus gostos pessoais e divulgar seu trabalho profissional.

Solução

O projeto começou ainda na definição do nome do blog, que levando em conta a sonoridade, pregnância e a sua extensão, sugerimos a adoção do nome Carolina Câmara, o que foi ajudado pelo fato de ser bastante conhecida assim.
No desenvolvimento do logo, empregamos sofisticação, leveza, feminilidade e finalmente, como principal atributo, sobriedade. Havendo a necessidade de se comunicar duas atividades distintas, desenvolvemos um sinal gráfico que representa, sobretudo, a figura da Carolina Câmara. Projetamos um símbolo que surgiu da rotação e união de dois “C’s”, que forma uma coroa estilizada, o que sugere sofisticação.
Na parte tipográfica, foi utilizada uma tipografia que também expirasse requinte, por isso, usamos uma com arestas esguias e longas (Raleway Thin), com inferências nos caracteres “A” e “R”. A distinção entre as duas atividades se dá na parte literal da marca: para a comunicação da sua atividade no blog, o texto é disposto de maneira simples e sem descritor. Já no desígnio da arquitetura, a parte tipográfica aparece com a descrição “arquitetura”, também escrita em Raleway, com traves horizontais que acompanham a dimensão do texto principal.
O layout do blog se mostra bem diferente do usual, visto que sua página inicial possui uma capa, que pode ser trocada periodicamente e uma chamada para o post principal. Após a rolagem, a disposição dos posts também toma configuração diferente, por ser disposta em duas colunas e não somente uma, como o tradicional. O ponto mais ousado do projeto é atingido quando se acessa o post, que pode ser lido da maneira convencional, em lista, ou horizontalmente, transicionando todas as imagens em um slideshow, como pode ser visto no seu blog, ao acessar: www.carolinacamara.com.br.